Quarenta Sonetos Sem Pecado – XI (Antonio Kleber Mathias Netto)

Quarenta Sonetos Sem Pecado
XI
(Antonio Kleber Mathias Netto)

Os instantes são chantagens aplicadas;
e beijos são tramóias temporárias.
As verdades inteiras são neblinas
que embotam quantas vezes a consciência.

Não haverá caminhos de reencontros,
horas marcadas, horas decididas,
ou mesmo pensamentos prolongados,
sobre as sensações fortes que vivemos.

Também os horizontes escurecem,
e eis que a fugacidade das mãos juntas
não passam de uma quadra de promessas.

A vida muda muito no outro dia.
A vida muda sempre, ela é mutante,
é a desgraça do amor que hoje delira!

Em Quarenta Sonetos Sem Pecado/Antonio Kleber Mathias Netto,
Editora do Autor, Rio das Ostras (RJ), 1997.

Você pode gostar...

Send this to a friend